quinta-feira, 11 de janeiro de 2018

Qual a diferença entre o colégio e a faculdade?

O tempo passa e as coisas mudam bastante. Esse clichê serve, com certeza, para a vida estudantil. Se o ambiente escolar teve grandes mudanças na passagem do Ensino Infantil ao Ensino Fundamental, é certo que a transição do Ensino Médio para o Ensino Superior também tem suas características marcantes.
Para entender a diferença entre o colégio e a faculdade, é preciso observar pontos distintos do dia a dia de cada uma dessas etapas da vida de estudante.

Mudanças no dia a dia

Uma diferença no cotidiano de uma faculdade que, na maioria das vezes, não se vê na época do colégio e ensino médio, está ligada a frequência de seus colegas.No ambiente do colégio, é muito comum que as turmas sejam bem definidas e que permaneçam, durante meses e anos, com a mesma formação.Quando se chega na faculdade esse quadro costuma ser bem diferente. Com a dinâmica de créditos, cada matéria compõe uma espécie de bloco, podendo ser alterado, escolhido ou não em determinado semestre.Dessa forma, a cada mudança de semestre ou período, é bem comum que parte da sala mude também, com a presença de calouros de outros cursos, veteranos e alunos de outro período.Aliás, esse tipo de alteração do ritmo e organização de cada uma das aulas é bastante comum na vida acadêmica. O DNA do Ensino Superior é baseado nessas constantes mudanças, para se adaptar a cada fase da formação acadêmica. 

É o aluno quem faz a faculdade

Quando aplicada à qualidade da instituição de ensino superior, essa famosa frase pode ter interpretações duvidosas – o aluno é, sim, parte importante do processo de formação universitária, mas, por outro lado, a faculdade deve ser devidamente credenciada e oferecer estrutura ao estudante.No entanto, utilizar essa frase feita para discutir a diferença entre o colégio e a faculdade pode fazer algum sentido.Na fase universitária, não existe aquela cobrança tão intensa da parte dos professores. Os trabalhos e provas obedecem às peculiaridades de cada professor e apenas os prazos são delimitados.Sem o monitoramento constante das salas de aula, à maneira do colégio, o estudante necessita incorporar essa maturidade, controlar seu calendário, suas responsabilidades, suas provas e trabalhos.

APROVEITE CADA FASE DA VIDA ESCOLAR

As rotinas e as cobranças do Ensino Médio, a pressão para o vestibular e a liberdade com responsabilidade do Ensino Superior.Cada fase da vida acadêmica deve ser aproveitada pelo estudante, com o objetivo de extrair o melhor dessas fases.Converse com as pessoas mais velhas sobre o assunto: certamente eles vão dizer que é importante curtir esse momento, pois ele passa bem rápido.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Contribua deixando seu comentário.