sexta-feira, 27 de janeiro de 2017

4 livros de não-ficção que você deve conhecer

leitura é uma prática capaz de aumentar os conhecimentos dos estudantes. Além disso, faz com que eles tenham um repertório cultural maior e, consequentemente, consigam ter um desempenho melhor nas redações de vestibulares. 
Assim, confira 4 livros de não-ficção que você deve conhecer:

1 – Diário de Anne Frank
Anne Frank foi uma garota alemã de origem judaica que foi perseguida durante o holocausto nazista. Durante esse período, escreveu um diário, que em 1947, foi publicado por seu pai, único sobrevivente da perseguição. A leitura permite que o público conheça as atrocidades do período e entre em contato com uma visão de alguém que foi diretamente afetada pelo nazismo.

2 – Homenagem à Catalunha
Esta obra, escrita em 1938 por George Orwell, traz um relato particular das impressões do autor durante a Guerra Civil Espanhola. Utilizando a primeira pessoa, Orwell faz com que os leitores entendam bem o contexto do conflito, bem como quais as partes envolvidas. No entanto, a leitura é mais complexa.

3 – Abusado
Escrito pelo jornalista Caco Barcellos, o livro é uma reportagem sobre o tráfico de drogas e outras atividades criminosas, focando na história de um personagem do Morro de Santa Marta, no Rio de Janeiro. Lançado em 2003, Abusado revela o lado humano de personagens envolvidos pelo tráfico, muitas vezes ignorado pela mídia.

4 – Fama e Anonimato
Gay Talese dedicou seu conhecimento jornalístico para criar um dos livros mais importantes dentro da área. Publicado em 1973, Fama e Anonimato reúne textos sobre assuntos relativos à cidade de Nova York, com uma apuração extremamente detalhada. Um dos mais famosos deles é o perfil do cantor Frank Sinatra, quem o autor nunca entrevistou e escreveu o texto com base em observação. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Contribua deixando seu comentário.