sexta-feira, 23 de setembro de 2016

Orientadora pedagógica dá 4 dicas de estudo para o Enem

Faltando pouco mais de dois meses para o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2016, que acontecerá nos dias 5 e 6 de novembro, a rotina de estudos para a prova já deve estar a todo o vapor. No entanto, é preciso ficar atento à forma como você estuda, já que muitos fatores podem prejudicar o rendimento e desperdiçar horas preciosas em frente aos livros.

Para garantir que você tenha o melhor aproveitamento possível, a Universia Brasil reuniu as dicas da orientadora pedagógica Jane Rapoport, da Escola Dínamis, que ensina as melhores práticas para garantir um bom desempenho durante os estudos. Veja a seguir:


1. Seja organizado
E não estamos falando somente sobre organização do conteúdo e dos horários, mas do ambiente de estudo. Antes de começar, encontre um lugar sossegado, arejado e com boa iluminação. É preciso que a mesa esteja livre e que você esteja longe de qualquer material que possa causar distração, como revistas, fotos, jogos e o smartphone. Além dos livros e cadernos, papel, fichas, lápis, caneta, borracha e um bom dicionário estão liberados.


2. Tenha motivação
Uma boa forma de não se perder nos estudos é encontrar um objetivo para todo o seu esforço. Isso vai te manter perseverante e pode garantir o sucesso na prova.


3. Concentração e foco
A concentração está diretamente ligada à força de vontade do estudante em controlar seus impulsos e se afastar de pensamentos distrativos. Se não houver foco, de nada adianta utilizartécnicas de aprendizagem sofisticadas ou acompanhamento dos estudos.


4. Planejamento é essencial
É importante que haja um planejamento prévio das horas de estudo, considerando suas outras atividades do dia. Além disso, é preciso saber organizar o conteúdo neste período de tempo, distribuindo bem as matérias.


Para isso, a pedagoga sugere a criação de um quadro-horário, para distribuir o tempo dedicado ao estudo de forma diária e semanal. Segundo Jane, para garantir um bom rendimento, é interessante que esses períodos tenham duração de 50 minutos, com 10 de minutos de pausa entre eles para o aluno “refrescar a cabeça”.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Contribua deixando seu comentário.