terça-feira, 12 de abril de 2016

O perfil de um estudante da área de Ciências Exatas e Informática

Essa área engloba profissionais como físicos, matemáticos e estatísticos, entre outros, que usam as ferramentas da informática e lidam com fundamentos e cálculos próprios das Ciências Exatas.
Para todos que lidam com as inovações tecnológicas, as mudanças constantes exigem que o profissional esteja sempre se atualizando, mesmo depois de concluir a faculdade. "É uma pessoa que gosta de enfrentar desafios e conviver com a inovação", explica Prof. Lucila Ishitani, coordenadora do Instituto de Ciências Exatas e Informática (ICEI) da Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais (PUC-Minas).
Saiba mais nesta entrevista com Lucila Ishitani:
Como é o perfil do aluno da área de Ciências Exatas e Informática? Quais são as características psicológicas mais comuns de quem decide seguir uma carreira nesse campo?
A área de Ciências Exatas e Informática é muito ampla. Por isso, há espaço para diversos perfis. Em geral, é necessário gostar muito de matemática. Contudo, se o aluno quer trabalhar, por exemplo, na área de informática, sem ter uma formação pesada em matemática, pode optar pelo curso de Sistemas de Informação.
Pode-se afirmar que quem escolhe uma carreira na área de Ciências Exatas é alguém que gosta de resolver problemas, vencer desafios, conviver com a inovação e deseja contribuir para o progresso do país, desenvolvendo novas tecnologias ou atuando como professor que participará da formação desses profissionais que desenvolverão essas novas tecnologias.
Que competências e habilidades ele precisa ter para se dar bem na área? E quais ele vai desenvolver na faculdade?
As licenciaturas em Física e Matemática dão sólida formação em Educação e na área específica do curso. 
No caso dos cursos da área de Informática, o aluno irá desenvolver competências tecnológicas. Há competências gerais da área e específicas para cada curso.

Na Engenharia de Computação, há uma formação mais sólida em desenvolvimento de software que atue de forma integrada sobre uma arquitetura de hardware. Na Ciência da Computação, há uma formação mais voltada para o desenvolvimento de novas tecnologias. Em Sistemas de Informação, há uma preocupação também com a formação em gestão, devido à área de atuação dos egressos do curso. Em Jogos Digitais, o foco está na produção de jogos, para setores diversos da sociedade, tais como entretenimento, educação e saúde.
As competências humanas são desenvolvidas em todos os cursos, pois apesar da área ser ciências exatas, todos os profissionais necessitam trabalhar com pessoas: colegas de trabalho e membros de equipe, usuários ou alunos. Uma habilidade desenvolvida em todos os cursos é o raciocínio lógico.
Na área de Informática, o conhecimento de inglês é cada vez mais desejável.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Contribua deixando seu comentário.