sexta-feira, 25 de março de 2016

Saiba como evitar 4 confusões gramaticais na língua inglesa


conhecimento da língua inglesa tem sido cada vez mais valorizado internacionalmente, não só no ambiente acadêmico, como também no profissional. Muitas empresas costumam dar prioridade aos candidatos que possuem conhecimentos avançados de inglês e dominam a capacidade verbal e escrita do idioma. Em uma entrevista de emprego, por exemplo, existem alguns erros simples no idioma que podem ser prejudiciais.

Pensando nisso, selecionamos a seguir 4 erros gramaticais que costumam ser feitos na língua inglesa. Confira abaixo como evitá-los:

1 - Plural x possessivo
Trata-se de um erro que costuma ser cometido por muitos estudantes. O simples fato de acrescentar a letra “s” em uma palavra na língua inglesa pode mudar totalmente o significado dela. Veja o exemplo abaixo. No primeiro caso, a palavra “girls” refere-se ao substantivo plural “as meninas”. Já no segundo, “girl” refere-se ao sujeito que tem a posse do lápis que, no caso, é a menina.
1. The girls (plural)

2. The girl´s pencil (possessivo)


2 - Contração x pronome possessivo
Alguns alunos costumam usar contrações na língua inglesa no lugar de pronomes possessivos e vice-versa, o que pode gerar muita confusão. É o caso do exemplo abaixo, onde uma simples mudança da apóstrofe pode gerar uma grande mudança de significado. No primeiro caso, “its” refere-se ao pronome possessivo “seu”, referindo-se ao gato, que tem a posse do leite. No segundo, a contração “it´s” significa “isto é”, ou mais precisamente, “esse é um bom video sobre gatos”.
1. The cat drank its milk

2. It´s a great video about cats


3 - “To” x “Too”
Trata-se de outro erro bastante comum na língua inglesa. É importante que o estudante sempre lembre que “too” é sinônimo de “também” e passa a ideia de adição. Já “to” é uma preposição, utilizada para se referir a uma determinada ação ou deslocamento .Veja a diferença no exemplo a seguir:
1. I went to the mall (preposição)

2. I went to the mall too ( advérbio)


4 - “There” x “Their”
É necessário prestar atenção para não confundir esses dois termos, que apesar de apresentarem uma grafia semelhante, são bastante diferentes. Podemos observá-la no exemplo abaixo. A primeira frase, “there” refere-se ao lugar onde o sujeito foi. Na segunda, refere-se ao pronome possessivo “their”, referindo-se à banda que lançou o novo CD.
1. I went there

2. That´s my favourite band. I like their new CD

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Contribua deixando seu comentário.