quarta-feira, 9 de dezembro de 2015

10 dicas do que NÃO fazer ao aprender um novo idioma

Fonte: Universia

Ao aprender um novo idioma, muitas pessoas têm grandes dificuldades e acabam cometendo erros que comprometem o aprendizado. Não existe um caminho certo para tornar-se fluente na nova língua, mas alguns erros podem ser evitados. A seguir, confira 10 deles:

1 – Não fale na sua língua materna
Sempre que estiver treinando a fala, busque usar todas as palavras e expressões no novo idioma. Assim, você força mais seu cérebro a aprender, além de não ficar acomodado a traduções quando não souber o que dizer. É comum que você não domine todo o vocabulário, mas busque sinônimos e formas de explicar a mesma informação de formas diferentes.

2 – Não estabeleça apenas grandes objetivos
Por mais que sua maior motivação seja aprender o novo idioma, entenda que você precisa, primeiro, traçar pequenos objetivos. Busque sempre melhorar e cumprir metas mais simples, porque assim atingirá a maior de todas facilmente. Por exemplo, você pode estabelecer que deve ler um livro em tanto tempo ou aprender 10 palavras por dia. A escolha fica a seu critério.

3 – Não se dedique apenas para uma atividade
Saber ler, escrever e falar são todos quesitos importantes ao se afirmar como fluente em um idioma. Por isso, não deixe de estudar para nenhuma dessas competências. Mesmo que você não goste de alguma delas, como a parte gramatical, esforce-se sempre pensando no benefício final do seu estudo.

4 – Não deixe a cultura de lado
Aprender sobre a cultura dos locais falantes do idioma que você estuda também é importante. Fará com que você entenda melhor particularidades da língua, além de ampliar sua bagagem cultural.

5 – Não estude tempo demais
Estudar é muito importante, mas você precisa praticar muito mais para atingir a fluência rapidamente. O ideal é dedicar de 15 a 30 minutos para os estudos e, depois, investir na prática.

6 – Não seja influenciado pelos outros
É importante que você confie no seu potencial e não deixe com que as pessoas façam você se sentir incapaz. Foque no seu estudo e com certeza alcançará os resultados que deseja.

7 – Não menospreze o trabalho do professor
No momento de escolher o docente que irá ajudá-lo a aprender, preocupe-se em encontrar alguém que esteja disposto a fazer com que você aprenda. Além disso, avalie bem o professor, escolhendo um que tenha uma boa didática e qualificações para lecionar o idioma que você está aprendendo.

8 – Não tente acelerar o processo de aprendizagem
É compreensível que você queira aprender rapidamente um novo idioma. No entanto, é importante respeitar seus limites para conseguir ter um bom desempenho. Dedique-se, mas entenda os momentos que deve descansar, já que a mente relaxada faz com que você aprenda muito mais.

9 – Não deixe de atentar para a prática de descrições
Saber descrever situações e objetos em outros idiomas é fundamental por dois motivos: além de aprender essa habilidade, você não terá problemas quando não souber dizer alguma palavra, já que sabe explicar o que pretendia falar em outras palavras. Assim, não negligencie esse conhecimento! Boas descrições podem ser a chave para você aprender rapidamente o novo idioma.

10 – Não abandone os materiais didáticos
Por mais que a internet ofereça milhares de ferramentas para aprender um bom idioma, tenha um bom livro didático e um dicionário como bases de estudo. Além de poder consultar suas dúvidas neles e encontrar respostas que com certeza estão corretas, o hábito de procurar as palavras desconhecidas no dicionário, por exemplo, faz com que você memorize muito melhor do que por meio da internet.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Contribua deixando seu comentário.