segunda-feira, 23 de fevereiro de 2015

Quer voltar a estudar? Saiba que a idade não é um empecilho

Fonte: Universia

Se você saiu da escola já algum tempo, você provavelmente estranharia as dinâmicas de aprendizado adotadas atualmente pelos professores, sobretudo se decidisse voltar a estudar. Por isso, se você quer voltar para a escola, ainda que não tenha mais os seus 18 anos, conheça algumas dicas para que sua adaptação aos novos modelos de ensino seja mais tranquila:

1 – Época adequada
É importante que sua vida pessoal esteja mais estável para que você possa voltar a estudar. Quando já se é adulto, as obrigações acabam se colocando à frente dos estudos e o ideal é que você não pare no meio. Por isso, escolhe uma época adequada para que você consiga realmente se dedicar.

2 – Assunto de família
Explique a sua família que você não terá tanto tempo já que terá que lidar com todas as obrigações da escola ou da faculdade. Por isso, é importante conversar com seus familiares e explicar a situação de modo que eles também comecem a se organizar diante da sua menor disponibilidade para resolver problemas.

3 – Não tenha medo da tecnologia
Atualmente, o uso de tecnologias é bastante comum nas escolas e universidades, afinal os professores têm exigido muitos trabalhos que devem ser feitos no computador, como apresentações de Power Point. Então, antes de voltar à escola, tente perder o medo da tecnologia. Incorporando-a ao seu dia-a-dia você só terá a aprender com ela.

4 – Providencie aparelhos digitais
Além de perder o medo, é também recomendável que você compre um aparelho digital. O ideal é que não tenha que dividi-lo com o (a) seu (sua) parceiro (a) ou filhos. Se possível, compre um computador ou um smartphone só para você.

5 – Deixa de lado os preconceitos
É perfeitamente possível que tenha professores mais novos ou da sua idade falando sobre coisas com as quais você não vai concordar ou que têm pouca aplicação no seu dia-a-dia. Não confunda a sua experiência de vida com arrogância. Mantenha-se aberto a novas ideias e formas de encarar os processos nos quais a disciplina que você está aprendendo se baseiam.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Contribua deixando seu comentário.