quarta-feira, 3 de dezembro de 2014

Como vencer os principais vilões do vestibular

Fonte: Universia

O final do ano se aproxima e com ele os vestibulares também. É a hora de colocar em prova tudo que foi feito ao longo do ano. Neste instante, uma série de questões surge incomodando muitas vezes os estudantes às vésperas dos vestibulares: será que estudei o suficiente? E se eu ficar nervoso? E se eu esquecer o que estudei?E se der o chamado “branco”? Será que conseguirei fazer todos os testes ou questões existentes na prova?

Essas e outras aflições são comuns às vésperas dos exames de seleção. Mas é possível enfrenta-las, se você dividir o problema em duas partes. A primeira parte é tomar algumas providências antes das provas. São elas:


Fortalecer sua autoconfiança
O primeiro aspecto é confiar em você. É fazer um contínuo exercício de fortalecer sua autoconfiança. Relembre outras dificuldades que você já teve e soube superá-las com sucesso. Lembre-se sempre de ter pensamentos positivos, pois ideias negativas atraem resultados negativos. Repita para você todos os dias que você pode, que você consegue, que você está estudando muito. Faça cartazes com essas frases e os espalhe no lugar que você estuda. A visualização desses estímulos é também um fator importante para internalizá-los.



Investir nos conteúdos em que você mais tem dificuldades
Faça uma análise criteriosa no sentido de perceber em quais disciplinas você ainda encontra dificuldades. Feito isso, elabore um programa de estudos voltado exclusivamente para os conteúdos dessas disciplinas.



Faça provas anteriores dos vestibulares de seu interesse
Ao fazer essas provas você saberá quais assuntos deverá rever e, além disso, poderá elaborar uma estratégia de como responder determinado vestibular. Desta forma, na hora do “para valer” você se sentirá mais seguro.



Não estude de véspera
O trabalho de um ano não será resolvido horas antes do início do vestibular. Procure dormir e se alimentar bem. Quanto mais bem disposto você estiver no dia da prova, melhores serão os resultados.




A segunda parte é tomar providências ao longo da prova como, por exemplo:


1. Um pouco antes de começar a prova, converse com você sobre tudo o que foi feito e a estratégia que você preparou para o vestibular. Além disso, relembre passo a passo o que você irá fazer na prova que se inicia. Na literatura esportiva há uma série de depoimentos de atletas de alto rendimento, afirmando que descrever mentalmente todas as ações que serão feitas logo a seguir ajudaram na obtenção de ótimos resultados.


2. Coloque em prática o que você treinou ao fazer as provas dos vestibulares anteriores.



3. Dê uma olhada geral na prova e já separe as questões que você identificou que sabe. Se não se lembrar de algo, ao fazer um teste ou questão, não perca tempo, siga em frente. Ao final, retome o que ficou sem ser feito.



4. Se a ansiedade estiver incomodando ou se der “branco”, procure se acalmar. Pare de fazer a prova por um breve momento e faça exercícios de respiração abdominal. Num primeiro instante o abdome se retrai (expiração) para depois se expandir (inspiração). Tal atitude melhorará o autocontrole, fará o diafragma trabalhar, levando mais oxigênio para o cérebro. Repita de olhos fechados ao menos de três a cinco vezes, puxando boa quantidade de ar para o tórax. Regra geral, este exercício reduz a ansiedade, relaxa e combate o stress antes e durante a prova.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Contribua deixando seu comentário.