segunda-feira, 2 de junho de 2014

Dá pra aprender alguma coisa dormindo?

Fonte: Super.Abril
Você chega cansado na sala de aula, deita a cabeça na carteira e tira um cochilo bem gostoso. 
Já pensou se dessa preguiça ainda saísse algum conhecimento? Seria lindo, né? Então, veja só, talvez você consiga mesmo abstrair alguma coisa no meio desse sono todo. Não tudo, claro, mas aciência já começou a descobrir o que seu cérebro pode aprender enquanto você dorme.
Em Israel, pesquisadores do Instituto Weizmann da Ciência convidaram 55 pessoas saudáveis para participar de testes. Enquanto dormiam, os voluntários sentiam um cheiro gostoso, de xampu ou sabonete, e ouviam um som específico. Na sequência, os cientistas lançavam um cheiro desagradável, como peixe ou carne podre, e colocavam outro som. Quando sentiam um cheiro bom, os participantes puxavam o ar com mais força, mas quando o odor era ruim, a fungada era mais fraca.
Depois, já acordados, e sem saber o que havia acontecido durante as horinhas de sono, os voluntários escutaram aqueles dois sons específicos. Sem qualquer emissão de odores, eles, involuntariamente, aspiravam o ar com mais força ao escutarem aquele primeiro barulho, associado ao cheiro bom. Quando ouviam o som relacionado ao fedor de carne e peixe podres, por mais que não houvesse mais qualquer cheiro, eles repetiam o comportamento aprendido durante o sono: puxavam ar de uma forma mais suave.
E funcionava melhor quando os participantes aprendiam a associação num estágio profundo de sono – durante o Rapid Eye Moviment (Movimento Rápido dos Olhos). Nessa fase a atividade cerebral é intensa, como se já estivéssemos acordados.
E aí, desculpa pronta para as aulas chatas? Sei não, nunca vi ninguém se dando bem assim…

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Contribua deixando seu comentário.