sexta-feira, 5 de outubro de 2012

Estudante britânica de 12 anos obtém QI maior que o de Einstein e Hawking

G1 Educação
 
Uma estudante britânica de 12 anos foi aceita esta semana pela Mensa, sociedade internacional que reúne pessoas consideradas "gênias" por terem alto quociente de inteligência (QI). A menina Olivia Manning obteve uma pontuação extremamente alta, de 162 pontos, bem acima da média de 100 e, ainda, dois pontos a mais do que o obtido pelos físicos Albert Einstein e Stephen Hawking.
 
A pontuação coloca Olivia como uma das pessoas mais inteligentes do mundo. Aluna da escola North Liverpool Academy, do distrito de Everton, em Liverpool, Olivia vai agora participar da rede de gênios do mundo. Ela já curte a vida de celebridade em sua escola, segundo reportagem publicada pelo Daily Mail. “Agora muitos mais colegas me pedem para ajudar na lição de casa”, disse a menina ao diário. “Eu só gosto de desafios e fazer a minha mente trabalhar.”
 
De acordo com a reportagem, Olivia consegue decorar os diálogos da peça Macbeth, de William Shakespeare, em apenas um dia.
 

Um comentário:

  1. È incrível os lugares em que a mente humana pode chegar,fico contente por publicações deste gênero, pois é desta forma que aprendmos realmente vale apena ser humano mesmo sendo dífícil humanizar alguns desuhumanos. No entanto fico adimirado com a criação do cérebro humano.Todavia não é Deus uma criação do cérebro, mas o cérebro sim, é que é uma invenção de Deus.

    ResponderExcluir

Contribua deixando seu comentário.